Siga-nos!

opinião

Inveja e cobiça: Como isso pode estar prejudicando você

Você pode conquistar as coisas com trapaça e jamais encontrar felicidade.

Michael Caceres

em

Homem invejoso (Foto: Pexels/Daniel)

Poucas pessoas percebem como a cobiça pode ser prejudicial e a inveja destruidora. Aquele que cobiça admite sua própria incapacidade de construir algo, de fazer por si. Enquanto que o invejoso não consegue conceber que alguém tenha algo que ele não pode ter.

Cobiça é a necessidade de ter o que o outro tem. O desejo de se igualar ao outro, tendo o que ele possui. Os cobiçosos querem o que não lhes pertence e medem as pessoas por aquilo que possuem, não por suas virtudes.

A cobiça é um pecado descrito na Bíblia, apontado entre as Leis mosaicas como uma das proibições divinas. Em Êxodo no capítulo 20 e versículo 17, diz: “Não cobiçarás a casa do teu próximo. Não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem seus servos ou servas, nem seu boi ou jumento, nem coisa alguma que lhe pertença”.

Inveja é um sentimento ainda pior, pois o invejoso não apenas deseja ter o que o outro possui, mas acredita que essa outra pessoa não deveria ter nada, buscando minar a felicidade do próximo.

O invejoso sente-se satisfeito em tirar qualquer oportunidade do outro, ataca-lo e destruir sua felicidade. Não se trata apenas de um anseio material, mas algo moral, sensação de que o outro não deve lhe superar em nada. Por isso, busca sempre trapacear, tirar vantagens e ferir.

Pessoas assim não são confiáveis. Aqueles que cobiçam podem facilmente ser atraídos pela corrupção e pela ganância. Os invejosos são ainda piores, pois podem agir de maneira desleal, destruindo tudo a sua volta.

Um dos maiores conselhos contra a cobiça, que é também uma orientação para o sucesso, foi dito por Epicuro: “Queres ser rico? Pois não te preocupes em aumentar os teus bens, mas sim em diminuir a tua cobiça”.

Quando as pessoas estão concentradas em competir com outras, utilizando-se de ferramentas desleais e invejando todos a sua volta, elas acabam se sabotando. Ao invés de correr atrás dos próprios sonhos, se concentram em destruir o dos outros.

Eu, Alan, tenho uma história de superação. Talvez você já conheça ou não, mas o fato é que vim de baixo, tive de superar muitos obstáculos e lidar com pessoas difíceis. No entanto, aprendi que não deveria alimentar nem a cobiça, nem a inveja, pois isso me prejudicaria.

Além disso, como pastor, aprendi que existem leis de retorno. Não necessariamente financeiro. Nem todas as pessoas que conquistaram independência são abençoadas, por assim dizer. Mas essas leis espirituais abrangem todas as áreas de nossas vidas. Você pode conquistar as coisas com trapaça e jamais encontrar felicidade.

Veja o que a Bíblia diz sobre a inveja: “O invejoso é ávido por riquezas, e não percebe que a pobreza o aguarda” (Provérbios 28.22).

O que a Palavra de Deus está ensinando é que o invejoso gastará suas energias em buscar prejudicar os outros, criando obstáculos no caminho daqueles que alcançarão sucesso, pois estes estão concentrando suas energias em construir a própria história. Deus não precisa castigar o invejoso, pois ele mesmo se boicota e prejudica.

Oscar Wilde, um influente escritor britânico, disse sobre a inveja: “O número dos que nos invejam confirma as nossas capacidades”.

Isso é um fato. Quem tem méritos e talentos atrai o ódio dos invejosos. Mas não devemos buscar vingança contra pessoas assim, pois isso esconde algo preocupante: invejosos não tem amor próprio. Mas isso é tema para outro artigo.

“O coração em paz dá vida ao corpo, mas a inveja apodrece os ossos.” (Provérbios: 14.30)

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending