Siga-nos!

Estudos Bíblicos

O que você tem nas mãos?

“E o Senhor disse-lhe: Que é isso na tua mão? E ele disse: Um bordão” (Êxodo 4.2)

Lorena Carolino

em

Muitas vezes, durante a caminhada, nós não valorizamos o que temos em nossas mãos. Esperamos grandes coisas, acontecimentos extraordinários e não olhamos para o que podemos oferecer. A história de Moisés tem muito a nos ensinar. Um homem que mudou o destino de uma nação usando o seu cajado, a sua fé e a sua obediência ao Grande Deus.

Moisés estava tranquilo, apascentando o rebanho do seu sogro Jetro, quando o anjo do Senhor apareceu em uma chama de fogo e no meio se uma sarça que não se consumia. O clamor dos filhos de Israel que, estavam sendo escravizados no Egito, chegou os ouvidos do Senhor. Então, o Deus de Israel levantou Moisés para ir até Faraó e pedir pela libertação dos hebreus que estavam sob julgo naquela terra.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Moisés temeu que os egípcios não dessem ouvidos, então, o Senhor lhe disse: “Que é isso na tua mão? E ele disse: um bordão”. Então, Deus ordena que Moisés jogue o bordão no chão e ele se transforma em uma serpente. Mais uma vez, o Senhor ordena que ele pegue a serpente pelo rabo, e ela se torna em bordão. O cajado é símbolo de autoridade, de fé, de coragem, de identidade, de unção, de proteção, de obediência. O cajado passou a ser um bastão de comando.

Deus não precisa do nosso extraordinário, Ele é O Extraordinário. Com aquele simples cajado, o poder de Deus se manifestou entre os egípcios, que reconheceram a grandeza do Deus de Israel. As pragas enviadas ao Egito, os mágicos de Faraó envergonhados, a abertura do mar vermelho, entre tantos outros milagres.

Um simples cajado por si só, não poderia fazer nada disso. Nós agimos como Moisés muitas vezes: não, Senhor! Eu não serei ouvido! O que eu posso fazer por esse povo? E Deus, em sua grandeza e majestade, nos ensina que o Extraordinário pertence a Ele. Nós só precisamos ouvir a sua voz e obedecer.

Nós olhamos para o nosso interior e achamos que não temos nada de bom a oferecer. Moisés também se viu assim. Mas, o Senhor te pergunta: o que você tem nas mãos? Não espere pelo grandioso, olhe para o simples que você tem hoje. Diga sim à missão que Deus tem confiado em suas mãos. Ele sabe o que você tem nas mãos, Ele sabe de todas as coisas.

O “pouco” em Deus se transforma em abundância. Ofereça a Deus o seu bordão, e dependa Dele em toda e qualquer situação. A providência vem Dele e a resposta também. Quando andamos de acordo com a vontade do Senhor, Ele é poderoso para fazer milagres usando apenas um cajado.

Cristã, jornalista, esposa do Vinicius, mãe do Heitor, apaixonada por Jesus, sirvo na igreja bola de neve de Brasília.

Continua depois da publicidade