Siga-nos!

educação financeira

Menos ódio, mais amor!

“…abençoai aos que vos amaldiçoam, orai pelos que vos acusam falsamente. Ao que te bate numa face, oferece-lhe igualmente a outra”

em

Queridos irmãos, na coluna de hoje não vou falar exatamente sobre finanças. Quero reservar esse espaço para refletir sobre algo que vem sendo praticado com muita frequência ultimamente, em especial no mundo digital, e que me deixa muito triste e preocupado: o ódio, um sentimento não traz nada de bom e pode prejudicar muito todos os âmbitos da vida.

Não é porque alguns não pensam da mesma forma – seja sobre política, religião, economia, questões populares, etc. – que se deve responder com ódio, espalhando-o por aí. Todos, principalmente nós cristãos, temos que praticar a paciência e a solidariedade, transmitindo boas energias. Não devemos nos deixar levar por pensamentos negativos, pois não trarão bons resultados; o que realmente compensa são as ações e projeções positivas, é com essa prática que devemos “perder” nosso tempo.

E sabe como conseguir fazer isso num momento em que tudo parece instável e confuso? O segredo é ter sonhos, para nos apoiar e dedicar esforços, deixando de lado o que não agrega valor nenhum às nossas vidas. Essa atitude reflete diretamente na relação que temos com as finanças, parando de cair na tentação do consumo inconsciente, impulsivo e imediatista, focando nos objetivos que realmente queremos realizar com o dinheiro.

Quem nunca ouviu dizer que é justamente nos momentos mais difíceis que encontramos as melhores oportunidades de mudanças? E se seguirmos em nosso caminho da , passaremos por tudo isso de maneira pacífica e inteligente, não com ódio. Uma passagem da Bíblia nos mostra como, em Lucas 6: “…abençoai aos que vos amaldiçoam, orai pelos que vos acusam falsamente. Ao que te bate numa face, oferece-lhe igualmente a outra”. Quando caminhamos pelo lado certo, seguindo as palavras do Senhor, tudo se ajeita.

O momento não está fácil mesmo, a crise está por todos os lados, mas não devemos nos deixar abater; sentimentos ruins afetam todos os tipos de relação: pessoal, financeira, profissional, familiar, amorosa, ou seja, não vale a pena. Vamos nos acalmar, espalhar a paz e olhar para o próximo com mais amor. Vamos fazer a mudança que nós queremos viver e realizar mais sonhos!

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Reinaldo Domingos está à frente do canal Dinheiro à Vista. É Doutor em Educação Financeira, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin –www.abefin.org.br) e da DSOP Educação Financeira (www.dsop.com.br). Autor de diversos livros sobre o tema, como o best-seller Terapia Financeira.

Trending