Siga-nos!

política

Pastores avisam Bolsonaro que Mendonça não é escolha de evangélicos

Líderes disseram que indicação é atribuição do presidente.

em

André Mendonça e Jair Bolsonaro
André Mendonça e Jair Bolsonaro (Foto: Carolina Antunes/PR)

Enquanto o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), aponta o nome do advogado-geral da União, André Mendonça, como sua escolha para a próxima vaga no Supremo Tribunal Federal (STF), líderes evangélicos avisaram que ele não é escolha dos evangélicos.

Bolsonaro confirmou em reunião no Palácio Alvorada que Mendonça seria a sua escolha para a vaga que abrirá com a aposentadoria de Marco Aurélio Mello, que se aposenta na segunda quinzena de julho. “Todos sabem: é a minha vontade”, teria dito o presidente.

No entanto, líderes evangélicos influentes afirmaram ao Gospel Prime que o presidente foi avisado que Mendonça é sua escolha pessoal, que não é a escolha dos evangélicos e que não se enquadraria no jargão de “terrívelmente evangélico” levantado pelo presidente.

Conforme noticiou o portal, ideranças evangélicas chegaram a apresentar uma lista tríplice com os nomes mais recomendados para o cargo, mas ao que tudo indica o presidente Jair Bolsonaro apresentará o nome de sua escolha para ocupar a vaga.

Apesar de a escolha não ser a recomendada pelos líderes, eles disseram que cabe ao presidente da República, por suas atribuições legais, indicar o nome para ocupar uma cadeira na Corte.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending