Siga-nos!

igreja

Estradas romanas geram riqueza até os dias de hoje

Economistas dinamarqueses associam a prosperidade atual ao Império romano

Cris Beloni

em

Historiadores calculam que os romanos chegaram a construir cerca de 80 mil km de estradas, o que equivale a duas voltas inteiras pelo planeta Terra. Atualmente, essa rede de estradas é ocupada por mais de 30 países.

No primeiro século, durante o período da “Pax Romana” as estradas serviam para o transporte de tropas do exército, mensageiros do correio imperial e circulação de suprimentos que abasteciam o império. Com o tempo, elas viraram rotas comerciais que conectavam a Europa, Oriente Médio e o norte da África.

Um grupo de economistas da Universidade de Copenhague, na Dinamarca, chegou à conclusão de que a prosperidade atual pode ter sido gerada por conta dessas estradas ao logo dos últimos dois mil anos de história.

Caminho do progresso

Os pesquisadores compararam um mapa da antiga rede de estradas romanas com um mapa noturno moderno de 2010, onde é possível ver áreas mais ou menos iluminadas pela rede elétrica. Para os economistas, a relação é clara: quanto mais luz, maior o progresso econômico.

Rede de rotas construídas pelo Império Romano percorria 80 mil km

Entre outros pontos, também analisaram a produção econômica e as estatísticas da população. O resultado foi o seguinte: “lugares mais próximos a rotas do Império romano coincidem com aqueles que hoje têm mais estradas, pessoas e desenvolvimento econômico”.

Economistas usam grau de iluminação como indicador de desenvolvimento

Conforme o estudo, todo o investimento em infraestrutura que começou com os romanos “conquistou um desenvolvimento durável” que é percebido até a atualidade. Com informações BBC

Jornalista e pesquisadora apaixonada pela Bíblia. Desenvolveu um trabalho de "Jornalismo Investigativo Bíblico", é autora dos livros Derrubando Mitos e Apocalipse Investigado. Seus temas envolvem missões transculturais, Igreja Perseguida, teorias científicas, escatologia e análises de textos bíblicos.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Trending