Siga-nos!

ciência & tecnologia

Elon Musk aponta censura “incrivelmente inapropriada” no Twitter

Bilionário Elon Musk revela seu desejo de tornar o Twitter uma plataforma pública.

em

O bilionário Elon Musk (Foto: Hannibal Hanschke/AP)
O bilionário Elon Musk (Foto: Hannibal Hanschke/AP)

O bilionário Elon Musk comprou o Twitter por US $44 bilhões, e logo surgiram diversas especulações sobre o que a venda significaria para o futuro da plataforma, já que Musk fala muito sobre a liberdade de expressão online e como a empresa não tem feito jus ao seu potencial, tendo se tornado uma espécie de “praça da cidade”.

O autoproclamado “absolutista da liberdade de expressão”, tem criticado a escolha do Twitter sobre quais postagens são excluídas ou censuradas. Seu envolvimento foi bem-vindo por aqueles que acusam a plataforma de censura. O bilionário planeja tornar pública a plataforma que conta com cerca de 200 milhões de usuários.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“Meu forte senso intuitivo é que ter uma plataforma pública que seja extremamente confiável e amplamente inclusiva é extremamente importante para o futuro da civilização”, disse.

O fundador do Twitter e ex-CEO Jack Dorsey pareceu contente, afirmando que “Voltar de Wall Street é o primeiro passo correto”. Sob sua liderança, Musk está prometendo transparência, um algoritmo público, e restaurar contas proibidas.

“Não sabemos por que as pessoas estão sendo banidas. O que Elon quer fazer em busca da liberdade de expressão é abrir essas coisas. Vamos ter o Twitter de código aberto,” disse Matt Dearden da Universidade de Cedarville.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Por exemplo, muitos conservadores explodiram o Twitter em 2020 por silenciar certas opiniões políticas, incluindo o relatório agora verificado do New York Post sobre o laptop de Hunter Biden que poderia ter tido um impacto direto na eleição presidencial.

Esta semana, Musk aproveitou para criticar a abordagem pesada do Twitter sobre o relatório agora verificado do New York Post do laptop de Hunter Biden que poderia ter tido um impacto direto na eleição presidencial. Conservadores criticaram o Twitter por silenciar certas opiniões políticas.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“Suspender a conta do Twitter de uma grande organização de notícias para publicar uma história verdadeira foi obviamente incrivelmente inapropriado”, afirmou ele, de acordo com a CBN News.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending