Siga-nos!

política

Bolsonaro diz que Alcolumbre “age fora da Constituição”

O presidente do CCJ afirmou a aliados que pretende adiar a sabatina até 2023.

em

Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro. (Foto: Carolina Antunes / PR)

Já faz três meses que o presidente da República, Jair Bolsonaro, indicou o nome de André Mendonça para a vaga do Supremo Tribunal Federal (STF).

Enquanto isso, ele aguarda a sabatina do ex-chefe da Advocacia Geral da União (AGU) e acusou o senador Davi Alcolumbre, presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, de agir fora da constituição.

“Eu ainda aguardo a sabatina do André Mendonça no Senado Federal. Ele [Davi Alcolumbre] age fora das quatro linhas da Constituição”, criticou Bolsonaro.

A declaração vem depois que Alcolumbre teria dito a aliados que pretende travar a sabatina de Mendonça até 2023, segundo informou a CNN.

Críticas

Diversas autoridades já questionaram a demora da sabatina, incluindo o ministro Luiz Fux, presidente do STF. Depois que a fala repercutiu surgiram críticas piores, como Simone Tebet, ex-presidente da CCJ, que afirmou que a recusa de Alcolumbre se caracteriza abuso de poder, pois não há justificativas.

Se Alcolumbre agendar a análise para 2023 a indicação de Mendonça iria perder a validade e um novo indicado viria do vencedor das eleições presidenciais de 2022.

No entanto, senadores governistas disseram que se o atraso da sabatina persistir, irão obstruir a pauta de votação no plenário do Senado.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending