Siga-nos!

Internacional

Trump: “Toda vida, nascida ou não, é a imagem de Deus”

Presidente dos EUA proclamou o Dia Nacional da Santidade da Vida Humana.

em

Donald Trump. (Foto: Patrick Semansky / AP)

Na última sexta-feira (24), o presidente dos EUA, Donald Trump, participou da 47ª Marcha pela Vida, evento anual que acontece contra a interrupção da gravidez no dia que a Roe v. Wade foi assinada permitindo o aborto nos EUA.

Trump foi o primeiro presidente a discursar no evento e, este ano, fez algumas declarações marcantes como a fala sobre toda vida, nascida ou não, ser a imagem de Deus.

“Vale a pena proteger toda pessoa. E acima de tudo, sabemos que toda alma humana é divina e toda vida humana, nascida e não nascida, é feita à imagem santa do Deus Todo-Poderoso”, declarou ele segundo o FaithWire.

O presidente também falou sobre a importância dos mais novos defenderem a vida e se comemorou ao ver que milhões de mulheres estão se levantando no país para lutar pelo direito à vida.

“Para todas as mães aqui hoje: celebramos você e declaramos que as mães são heróis”, disse Trump.

Outra medida tomada por ele foi proclamar o dia 22 de janeiro o Dia Nacional da Santidade da Vida Humana.

Desde que assumiu o governo dos EUA, Trump tem se posicionado contra o aborto, fazendo com que o número de casos diminua nos últimos anos, assim como a taxa de gestações na adolescência.

Os EUA hoje coordena a construção de uma coalizão de nações para dissipar a ideia de que o aborto é um direito humano fundamental, uma campanha que já conseguiu apoio de 24 nações, representando um bilhão de pessoas.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE