Siga-nos!

Política

Sessão da CCJ é suspensa e reforma da Previdência será retomada na próxima semana

O relator deve se reunir com parlamentares e líderes partidários para analisar eventuais mudanças em seu parecer

Avatar

Publicado

em

Sessão da CCJ. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Publicidade


Parlamentares da oposição tentaram, por diversas formas, impedir os andamentos da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) que votaria nesta quarta-feira (17) sobre o relatório da reforma da Previdência.

Entre as questões de ordem e requerimentos apresentados, o presidente da CCJ,  Felipe Francischini (PSL-PR), precisou se valer de vários artigos do regimento interno para que a sessão desse prosseguisse dentro dos seus prazos. Mas a sessão acabou sendo suspensa.

Publicidade

Leia mais...

Na próxima semana a discussão será retomada pelos parlamentares, enquanto isso, o relator, deputado Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG), deve se reunir com parlamentares e líderes partidários para analisar eventuais mudanças em seu parecer.

Freitas seguiu entendimento do presidente da CCJ, de que ao colegiado cabe avaliar a compatibilidade do texto com a Constituição (admissibilidade) e que a análise do mérito deve ser feita depois por uma comissão especial. Ele recomendou à CCJ a aprovação da proposta. Na semana passada, foram apresentados 13 votos em separado.




Gosta do nosso conteúdo? Considere ajudar nosso ministério! Saiba mais em apoia.se/gospelprime


Comente!
Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Trending