Siga-nos!

Sociedade

Regra Billy Graham: Vice-xerife é demitido por se negar a ficar sozinho com uma mulher

Regra ensinada na década de 1940 ainda hoje é usada por cristãos conservadores

Avatar

em

Manuel Torres. (Foto: Reprodução)

Em 2017 o vice-xerife do Condado de Lee, Manuel Torres, 51 anos, foi demitido depois de seguir a chamada “Regra Billy Graham” que impede que homens casados fiquem sozinhos com mulheres que não sejam suas esposas.

Torres teria que treinar uma delegada, mas se recusou a realizar o serviço, pois isso “incluiria a exigência de que eles passassem períodos significativos sozinhos em seu carro durante patrulhas”.

Na década de 1940 Billy Graham deu uma dica aos homens de sua associação para que não se envolvessem em escândalos enquanto viajavam pelo país: nunca fique sozinho com uma mulher que não seja sua esposa.

A chamada “Regra de Billy Graham” é bastante popular nos EUA, tanto que a esposa vice-presidente Mike Pence, Karen Pence, revelou que seu marido jamais come sozinho acompanhado por uma mulher que não seja ela.

O candidato republicano a governador do Mississipi Robert Foster causou polêmica ao usar essa regra e pedir para que uma jornalista que irá acompanhar sua campanha esteja acompanhada por um homem para “evitar situações embaraçosas”.

Segundo o site Baptist News, defensores acreditam que a regra é válida para prevenir a má conduta sexual, além de proteger os homens de falsas insinuações ou falsas acusações.

Os críticos, por sua vez, dizem que este tipo de comportamento “humilha as mulheres” ao tratá-las como “objetos sexuais”.

Após ser demitido, Torres agora busca recuperar seu trabalho e entrou com um processo contra o Gabinete do Xerife do Condado de Lee por discriminação religiosa.

Ele, como diácono da East Sanford Baptist Church, em Sanford, Carolina do Norte, diz que ficar sozinho com a delegada violaria suas “crenças religiosas”.

Publicidade