Siga-nos!

igreja perseguida

Rádio “clandestina” transmite o Evangelho para a Coreia do Norte

Transmissão é feita de Seul através de parceria com rádio.

em

Rádio de Seul faz transmissão para a Coreia do Norte
Rádio de Seul faz transmissão para a Coreia do Norte (Foto: Jon Rabiroff/Stars and Stripes).

A Coreia do Norte é uma preocupação cristã internacional, por ser governada por um regime autoritário e manter-se isolada como nação, ocupando o topo da Lista Mundial de Perseguição da organização Portas Abertas.

No entanto, uma parceria entre a International Christian Concern (ICC) e uma rádio sul-coreana, a a Free North Korea Radio (FNKR), com sede em Seul, tenta enviar ondas de rádio de “clandestina” para o país vizinho, levando uma palavra de fé aos norte-coreanos.

O conteúdo do programa inclui leitura bíblica, sermão de um pastor sul-coreano, leitura de “Torturado por Cristo”, escrita por Richard Wurmbrand, e canções gospel populares traduzidas para a Coreia. A FNKR dedica 30 minutos de cada transmissão a programas evangélicos pela manhã e pela tarde, objetivando espalhar o amor e a graça de Deus entre o povo da Coreia do Norte.

“Atualmente, a Coreia do Sul e os Estados Unidos têm espalhado o evangelho através de panfletos e transmissões de rádio afetando a mente dos norte-coreanos. Eles têm espalhado um rumor falso sobre acreditar em Deus e confiar em Deus em todas as coisas”, disse um documento oficial vazado em abril de 2021. 

Em uma época em que Pyongyang está reforçando a perseguição religiosa, o programa de rádio é mais necessário do que nunca. O regime de Kim vê essas atividades como ameaças e busca erradicar esses canais de comunicação.

No entanto, o governo nem sempre é bem sucedido em sua propaganda. Este caso fragmentado prova a eficácia da disseminação do Evangelho através de transmissões de rádio e USBs.

“Neste momento, as pessoas dentro da Coreia do Norte querem se rebelar contra o regime.  Há tanto descontentamento lá dentro, e está em todos os níveis da sociedade… Quando os norte-coreanos vêm para a Coreia do Sul, eles percebem completamente o quão ruim era a sua situação na Coreia do Norte”, diz um desertor chamado Jang.

Ele também relata que a situação é humilhante no país vizinho, o que leva a muitos questionamentos por parte da sociedade, que sofre na ditadura comunista.

“É humilhante, e eles se perguntam o quanto de sua vida foi perdida porque eles nasceram na Coreia do Norte… Garanto a vocês que continuaremos a lutar para acabar com o regime de Kim, então, por favor, seja nosso amigo e aliado. Há muitas igrejas subterrâneas na Coreia do Norte que estão se esforçando para espalhar o Evangelho. Por exemplo, durante o Natal do ano passado, algumas pessoas secretamente distribuíram presentes de Natal para outros”, diz. 

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending