Siga-nos!

Internacional

Putin diz que casamento é apenas entre um homem e uma mulher

Presidente russo deixa claro que seu país não irá legalizar o casamento gay

em

Vladimir Putin. (Foto: Alexei Druzhinin/Sputnik/Reuters)

Nesta quinta-feira (13), o presidente da Rússia, Vladimir Putin, deixou claro que não pretende legalizar a união entre pessoas do mesmo sexo enquanto estiver no comando do país.

Para ele, a família é formada apenas por homem e mulher e que não deixará que seja substituída por dois pais.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Sobre o ‘pai um’ e o ‘pai dois’, eu já falei publicamente sobre isso e repetirei de novo: enquanto eu for presidente, isso não vai acontecer. Serão papai e mamãe”, declarou Putin segundo a agência Reuters.

Muito ligado à Igreja Ortodoxa, o presidente russo mantém o conservadorismo dos costumes religiosos e se opõe a temas ligados à agenda LGBT, inclusive proibindo quaisquer demonstrações de afeto entre pessoas do mesmo sexo em espaços públicos.

Os comentários sobre o casamento gay foram feitos durante uma reunião com uma comissão estadual para discutir mudanças na constituição da Rússia.

Há uma proposta de colocar na Constituição russa que o casamento é apenas a união entre um homem e uma mulher.

“Precisamos apenas pensar em quais frases e onde fazer isso”, respondeu o presidente.

Continua depois da publicidade