Siga-nos!

Internacional

Protestos no Irã pedem saída de líder supremo islâmico Ali Khamenei

Milhares de pessoas pedem a renúncia do ditador por mentir sobre avião abatido.

em

Aiatolá Ali Khamenei durante reunião em Teerã (Foto: AFP)

Neste sábado (11) manifestantes iranianos pediram a renúncia do líder supremo do país, o aiatolá Ali Khamenei, depois que o governo do Irã admitiu que suas Forças Armadas derrubaram um avião ucraniano, matando todas as 176 pessoas a bordo.

Aos gritos de “comandante-em-chefe (Khamenei) renuncie, renuncie”, milhares de pessoas, de acordo com vídeos publicados no Twitter, se concentraram em frente à universidade Amir Kabir, em Teerã.

Os vídeos mostram que as homenagens as 176 vítimas do voo da Ukraine Airlines International culminou no início da série de protestos contra os líderes do regime islâmico do Irã.

Muitos estudantes gritavam slogans acusando de “mentirosos” e “assassinos” os responsáveis pelo drama e exigiam punição aos que tentaram encobrir a verdade. A polícia iraniana tentou dispersar os protestos.

Mais cedo, o Irã havia reconhecido a responsabilidade pela queda do avião ucraniano, afirmando ocorrido por “erro humano” e que os responsáveis seriam punidos.

  • Estudos Bíblicos 1 dia atrás

    Especialista em pregação bíblica ensina elaborar sermões impactantes em 30 dias