Siga-nos!

Política

Projeto de Sóstenes Cavalcante obriga atletas trans a competirem na modalidade de seu sexo original

Proposta diz que atletas trans “causam evidentes desequilíbrios técnicos”

Avatar

em

Sóstenes Cavalcante. (Foto: Reprodução / Facebook - Sóstenes Cavalcante)

O deputado federal Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) apresentou o projeto de lei 2639/2019 para obrigar atletas trans a competirem na modalidade de seu sexo biológico.

Na justificativa, o parlamentar diz que a participação de atletas do sexo masculino em equipes femininas “causa evidentes desequilíbrios técnicos e coloca em risco a própria lisura das competições”.

“Assim, do ponto de vista fisiológico, esses atletas vêm apresentando injustas vantagens comparativas. Trata-se, portanto, de proposição que visa a promover o equilíbrio no esporte masculino e feminino, sem qualquer tipo de juízo de valor acerca das opções da vida privada de homens e mulheres”, diz trecho do projeto.

Continue lendo