Siga-nos!

igreja perseguida

Pesquisa mostra aumento de ataques diretos à liberdade religiosa na pandemia

Pesquisa oferecerá dados sobre o estado da liberdade religiosa em diversos países do mundo.

em

Policiais chineses prendem cristãos - China Aid
Policiais chineses prendem cristãos (Foto: Reprodução/China Aid)

A pesquisa SMART realizada como parte do Projeto Liberdade de Instituições Religiosas em Sociedade (FORIS) do Instituto de Liberdade Religiosa ( FORIS) está programada para revelar como o tratamento adverso de certos grupos religiosos em vários países piorou significativamente durante a pandemia do corona vírus.

A pesquisa foi projetada para atender a uma “necessidade não atendida de dados relevantes para a política para identificar, entender e abordar as restrições à liberdade religiosa em comunidades religiosas em todo o mundo”. De acordo com The Christian Post, um relatório detalhado analisando os resultados  em profundidade será publicado futuramente.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“A pesquisa SMART significa Simples, Significativo, Acessível, Relevante e Oportuno”, disse Rebecca Shah, membro sênior do Instituto Archbridge e principal pesquisadora do Projeto de Religião e Empoderamento Econômico (REEP),

Inicialmente a pesquisa recebeu financiamento para questionar especialistas sobre o estado da liberdade religiosa na Malásia, Paquistão, Indonésia e Iraque, sendo posteriormente expandida para cerca de outros 10 países, incluindo Índia, Egito, México, Turquia e Grécia.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Segundo Shah, a pesquisa encontrou um aumento nos ataques deliberados e diretos às casas de culto, religiões, caridades e outras instituições religiosas em todo o mundo. Na  Nigéria, 85,7% dos entrevistados disseram estar cientes de ataques de casas de culto em seu país.

A pesquisa também perguntou aos entrevistados se eles sabiam de “quaisquer atos de discriminação perpetrados contra indivíduos ou comunidades por conta de sua religião ou crença que pode ter sido solicitada pela atual pandemia COVID-19”.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Os resultados revelaram que “um em cada três entrevistados da Índia disse estar ciente de tais tipos de discriminação religiosa durante o COVID”. Além disso, um em cada cinco entrevistados na Indonésia disse o mesmo e 10% dos entrevistados nigerianos também disseram estar cientes desse tipo de discriminação.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending