Siga-nos!

Política

Revista feminista ensina mulheres a abortar

Publicação foi duramente criticada e denunciada a Polícia Federal.

em

Feto após aborto
Feto após aborto. (Foto: Reprodução)

Um perfil verificado do Twitter, representando a revista feminista AzMina, que se apresenta como uma instituição que combate a violência contra as mulheres, compartilhou uma postagem ensinando mulheres a abortar.

O tuíte no microblog da revista apresenta o “protocolo recomendado pela OMS para o aborto com Misoprostol”, com orientações sobre como praticar o aborto.

A publicação foi duramente criticada nas redes sociais por tentar ensinar mulheres a praticar o aborto, inclusive recebendo denúncias encaminhadas a Polícia Federal (PF) e ao Ministério Público Federal (MPF).

Uma matéria publicada no site, que se apresenta como “jornalismo feminista independente”, traz o título “Como é feito um aborto seguro?”.

O texto traz detalhes de como praticar o aborto de forma eficaz, utilizando o medicamento Misoprostol.

Publicidade