Siga-nos!

igreja perseguida

Pastores fazem culto em templo incendiado pelo Boko Haram

Reunião aconteceu para mostrar que “igreja não é prédio, mas um corpo”.

Neto Gregório

em

Líder da igreja nigeriana. (Foto: Barnabas Fund)

Após um ataque devastador de militantes do Boko Haram à uma vila cristã da Nigéria, quatro pastores resolveram manter o culto de domingo para lembrar aos cristãos que “igreja não é um templo, mas um corpo”.

O ataque do grupo islâmico aconteceu em 21 de fevereiro destruindo casas, escolas, igrejas e empresas da vila de Garkida, no estado de Adamawa, na Nigéria. Também foram sequestradas algumas mulheres cristãs.

“Os jihadistas se aproximaram da vila em cerca de nove caminhões e cinquenta motocicletas”, afirmou uma fonte do ministério Barnabas Fund. O ataque durou cerca de seis horas, destruindo e incendiando a localidade.

O número de ataques de grupos islâmicos aumentou consideravelmente na Nigéria. Desde abril de 2019 os cristãos estão em alerta máximo, pedindo orações a favor da igreja nigeriana.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending