Siga-nos!

Internacional

Pastor é acusado de fraudar igreja para financiar carreira pop da mulher

O caso aconteceu em Cingapura e está sendo julgado pela justiça local

em

A agência AFP noticiou que o pastor Kong Hee, líder da maior igreja pentecostal de Cingapura, está sendo julgado por ter desviado 24 milhões de dólares da igreja para financiar a carreira de sua esposa, a cantora pop Ho Yeow Sun.

Hee é fundador da Igreja Cidade da Colheita (CHC na sigla em inglês), uma igreja que hoje tem cerca de 20 mil membros ativos. O pastor e outras cinco pessoas ligadas a ele também foram indiciados pela justiça e já começaram a ser julgados.

A denuncia principal diz que o valor foi tirado da igreja para custear a carreira da esposa do líder religioso. Além do pastor a produtora Xtron também está sendo acusada, ao que consta a empresa de eventos foi usada como canal para desviar o dinheiro.

A Xtron é dirigida por Choong Kar Weng, membro da CHC, que foi uma das primeiras testemunhas ouvidas no julgamento que começou no final de agosto e deve durar todo o mês de setembro. Com informações Terra.

  • Estudos Bíblicos 1 dia atrás

    Especialista em pregação bíblica ensina elaborar sermões impactantes em 30 dias