Siga-nos!

Mundo Cristão

Pastor ensina 15 razões para rejeitar o pecado e aceitar o sofrimento

Usando o sermão do puritano Thomas Manton ele explica que a aflição é melhor que o menor pecado que possa existir

Avatar

Publicado

em

Publicidade


O pastor David Murray escreveu um artigo lembrando de um sermão feito pelo puritano Thomas Manton a respeito da escolha de Moisés em não aceitar os prazeres do Egito para falar sobre as 15 razões que se deve escolher o sofrimento no lugar do pecado.

O artigo do professor de Velho Testamento e Prática Testamental do Seminário Teológico Puritano Reformado de Michigan, nos Estados Unidos, usa um discurso que pode ser aplicado em todas as áreas da vida de um cristão.

Publicidade

Leia mais...

A começar ele oferece duas opções, a primeira seria aceitar o pecado, mesmo que seja o menor deles, algo que lhe traga riqueza ou outros prazeres materiais. E a segunda é aceitar o sofrimento por rejeitar o pecado.

Qual dos dois você escolheria? Antes do leitor responder, Murray comenta o sermão de Manto baseado em Hebreus 11:25, usando Moisés como exemplo de que vale a pena rejeitar o pecado “porque a maior aflição é melhor do que o menor pecado”, diz.

Publicidade

Veja as 15 razões:

1. No sofrimento a ofensa é feita a nós, mas ao pecar a ofensa é contra Deus, e que somos nós comparados a Deus?

2. O pecado nos separa de Deus, mas o sofrimento e aflição não, e, portanto a maior aflição deve para ser escolhida diante do menor pecado.

3. O pecado é o mal em si, quer o sintamos ou não, mas a aflição só é má para nossos sentidos e sentimentos.

Publicidade

4. A aflição traz inconvenientes somente sobre o corpo e as preocupações do corpo, mas o pecado traz inconvenientes sobre a alma.

5. Um estado de aflição é compatível com ser amado por Deus, mas um estado pecaminoso é um sinal do desagrado de Deus.

6. Aflição pode ser bom, mas o pecado nunca é bom.

7. Não há nada que humilhe um homem mais do que o pecado.

8. Aflições vem de Deus, mas o pecado do diabo.

9. A aflição é enviada para impedir o pecado, mas o pecado não deve ser cometido para evitar a aflição.

10. O mal do sofrimento é momentâneo, mas o mal do pecado é para sempre.

Publicidade

11. Nos sofrimentos e perseguições perdemos o favor dos homens, mas pelos pecados perdemos o favor de Deus.

12. Sofrer não é nossa escolha, mas pecar é escolha nossa. Aflições são infligidas, os pecados são cometidos.

13. Um homem aflito pode morrer alegremente, mas um homem em pecado não.

14. O pecado é contrário à nova natureza, mas a aflição é contrária apenas à velha.

15. Quando você deliberadamente escolher o pecado, em pouco tempo terá a maior das aflições.

Ainda quer ficar com a sua escolha?




Gosta do nosso conteúdo? Considere ajudar nosso ministério! Saiba mais em apoia.se/gospelprime


3 Comentários
Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Trending