Siga-nos!

Internacional

Pastor dorme fora de casa em apoio a causa LGBT

Ele realizou o casamento da filha com outra mulher e foi criticado pela denominação que representa

em

Para chamar a atenção da igreja onde é pastor, a Igreja Metodista de Michigan, Estados Unidos, o pastor Michael Tupper – que apoia a causa LGBT – resolveu ficar 175 dias dormindo fora de sua casa sob a neve.

Isso porque ele foi notificado com uma queixa do superintendente distrital da igreja por ter assinado o casamento de sua filha com outra mulher.

Fora isso, Tupper ainda realizou o casamento do pastor Benjamin Hutchison com outro homem no ano passado. O pastor gay acabou perdendo o cargo por sua orientação sexual e Tupper resolveu apoiar a causa e falar contra a decisão da igreja de não aceitar a união homoafetiva.

“Meu objetivo final é aumentar a consciência dos problemas de discriminação e inspirar as pessoas a fazer uma mudança, a fim de permitir que os LGBT possam se casar em nossa igreja e se tornarem pastores dela, também”, disse ele ao The Battle Creek Enquirer.

Tupper afirmou ainda que a “Igreja Metodista Unida, está respondendo a pessoas LGBT e empurrando-os para fora da igreja” e por isso que ele protesta. Com informações Catraca Livre

Publicidade