Siga-nos!

sociedade

Papa diz em missa com presos que compartilhar bens “não é comunismo”

Missa com presos e refugiados é feita no Vaticano pelo papa Francisco.

em

papa Francisco
O líder católico, papa Francisco (Foto: Andreas Solaro/AP Photo)

Neste domingo (11), o papa Francisco celebrou com presos, refugiados e profissionais da saúde a missa do “Domingo da Misericórdia”, em uma igreja próxima à Praça de São Pedro, no Vaticano.

Durante a missa o pontífice lembrou a todos que os primeiros cristãos não tinham a ideia de propriedade privada, mas compartilhavam tudo e afirmou: “Isso não é comunismo, mas puro cristianismo”.

O papa também pediu para que nos tornemos misericordiosos: “Não sejamos indiferentes. Não vivamos uma pela metade, que recebe mas não dá, que acolhe o dom mas não se faz dom. Obtivemos misericórdia, tornemo-nos misericordiosos.”

Presos de Roma estavam presentes na missa

A celebração só contou com cerca de 80 pessoas presentes por causa das medidas preventivas contra a covid-19.

Dentre os participantes, havia encarcerados de dois presídios de Roma e de um centro de detenção de jovens, refugiados da Síria, Nigéria e Egito, como também profissionais de saúde de um hospital próximo do local.

O papa Francisco, de 84 anos, foi vacinado contra o coronavírus no início de março antes de viajar ao Iraque.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending