Siga-nos!

Mundo Cristão

Outdoors tentam inverter o sentido do Natal

Grupo de ateus investe na desconstrução da festa cristã

Avatar

em

Outdoor ateísta versus outdoor cristão

Em Atlanta (EUA), um grupo ateu lançou uma série de cartazes indicando que o verdadeiro significado do Natal tem a ver com o Solstício de Inverno – título que representa o início dessa estação. A data tinha grande importância para os povos antigos, que realizavam festas e celebrações durante a temporada.

Conforme o site Christian Headlines, dois outdoors digitais localizados na Interstate 75 e outro na Spring Road, foram patrocinados pela Freedom From Religion Foundation (FFRF), instituição que defende o ateísmo. Nas imagens aparece um bosque nevado com a seguinte mensagem: “Nesta estação do solstício de inverno, a razão prevalece”. Na sequência o endereço do site do grupo responsável é divulgado.

“A FFRF ressalta que a verdadeira razão para a temporada é o Solstício de Inverno, que neste ano vai acontecer em 21 de dezembro: o dia mais curto e mais escuro do ano”, diz um comunicado de imprensa. “O Solstício de Inverno é comemorado há milênios no Hemisfério Norte porque sinaliza o renascimento do sol e a continuação da vida”, frase destacada no texto.

Um terceiro outdoor apareceu no Peachtree Independent Boulevard, dizendo o seguinte: “A crença sobrenatural é uma inimiga da humanidade”. Os três outdoors fazem parte de uma campanha anual, em Atlanta, segundo o grupo.

A FFRF está investindo na comunicação de que os cristãos só atribuíram o nascimento de Jesus Cristo ao dia 25 de dezembro para criar um “evento contracultural”. Os ateus lutam para mostrar que a data já foi usada por outros povos, em outros tempos, para comemorar outro tipo de festa, descontruindo assim a comemoração cristã dos dias modernos.

Cris Beloni é jornalista, teóloga e pesquisadora apaixonada pela Bíblia. Desenvolveu um trabalho de Jornalismo Investigativo Bíblico e é autora do livro Derrubando Mitos.

Publicidade