Siga-nos!

Política

Os deputados evangélicos do Rio de Janeiro que mais torraram a cota parlamentar

Cota custeia as despesas do mandato, como passagens aéreas e conta de celular.

em

Rosângela Gomes, Flordelis, Otoni de Paula e Benedita da Silva. (Foto: Reprodução / Montagem)

Na segunda reportagem de uma série que analisa como os deputados evangélicos gastam a cota parlamentar, o Gospel Prime apresenta os dados referentes aos parlamentares do Rio de Janeiro.

A Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (CEAP), segundo o site da Câmara dos Deputados, custeia as despesas do mandato, como passagens aéreas e conta de celular.

Os primeiros a terem os dados analisados pelos portal foram os deputados de São Paulo, que torram quase que a totalidade dos valores disponíveis.

No Rio de Janeiro, os representantes da Bancada Evangélica economizam até 50% do dinheiro público, como é o caso da deputada Clarissa Garotinho (PROS), que gastou 49,4%, equivalente a R$ 100.737,70.

A parlamentar da Igreja Presbiteriana é a que mais economizou entre os evangélicos.

Clarissa usou 78,94% do valor gasto, com passagens aéreas, 15,79% com locação e fretamento de veículos e 5,28% com outros serviços permitidos pela Câmara.

Quem mais gastou entre os deputados do Rio de Janeiro, segundo dados da Câmara dos Deputados, usou 81,9%, economizando 18,1%. O valor foi de R$ 166.910,38, que são os gastos da deputada Rosângela Gomes (PRB), representante da Igreja Universal do Reino de Deus.

A maior parte dos gastos da deputada foi com “Consultorias Pesquisas e Trabalhos Técnicos”. Ela gastou R$ 60.000,00 (33,96%) com esses serviços.

Em segundo lugar, como a que mais gastou a cota, vem a deputada Flordelis (PSD), representante da Cidade do Fogo. A parlamentar gastou R$ 159.646,10 (78,3%). Ou seja, ela conseguiu economizar 21,7% da cota parlamentar.

Seus dois maiores gastos foram com “Manutenção de Escritório de Apoio à Atividade Parlamentar”, no qual utilizou R$ 54.071,11 (32,35%), e “Consultorias Pesquisas e Trabalhos Técnicos “, R$ 47.806,88 (28,60%).

Confira os gastos dos parlamentares evangélicos do Rio de Janeiro:

    1. Rosângela Gomes (PRB – Universal do Reino de Deus): R$ 166.910,38;
    2. Flordelis (PSD – Cidade do Fogo): R$ 159.646,10;
    3. Otoni de Paula (PSC – Assembleia de Deus): R$ 159.269,55;
    4. Benedita da Silva (PT – Presbiteriana): R$ 154.031,00;
    5. Sóstenes Cavalcanti (DEM – Vitória em Cristo): R$ 138.492,84;
    6. Daniela do Waguinho (MDB – Nova Vida): R$ 135.482,95;
    7. Altineu Cortês (PL – Assembleia de Deus): R$ 132.717,43;
    8. Alexandre Serfiotis (PSD – Fazei Discípulos): R$ 132.614,72;
    9. Wladimir Garotinho (PRP – Presbiteriana): R$ 108.312,21;
    10. Aureo Ribeiro (SD – Metodista): R$ 104.507,21;
    11. Clarissa Garotinho (PROS – Presbiteriana): R$ 100.737,70;