Siga-nos!

Entretenimento

“O cristianismo fez do mundo um lugar melhor”, lembra ator

Ele cita as causas defendidas por cristãos que garantiram a democracia e a liberdade de expressão no Ocidente

em

John Rhys-Davies como Gimli. (Foto: Reprodução)

O ator John Rhys-Davies, intérprete de “Gimli” na trilogia “O Senhor dos Anéis”, fez uma defesa de sua fé cristã em entrevista recente ao The Christian Post enquanto estava no tapete vermelho do 28º Movie guide Awards.

Ele pediu às pessoas que vejam o cristianismo como uma força para o bem no mundo.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Parece que esquecemos que a civilização cristã fez do mundo um lugar melhor do que nunca”, declarou o britânico que é dublador na versão animada do filme “Pilgrims Progress”.

Rhys-Davies referiu a abolição do comércio de escravos como uma das grandes “glórias” do cristianismo, juntamente com a defesa do “direito à liberdade de expressão” e o “direito da consciência individual”.

“Eles evoluíram na cristandade romana do primeiro e do segundo século, onde o cristão individual disse: ‘Eu tenho o direito de acreditar no que acredito e não no que o imperador me diz.’ A partir disso, toda a nossa ideia de democracia e a igualdade que desenvolvemos”, explicou o ator que se considera cético e racionalista.

“Devemos ao cristianismo o maior débito de agradecimento que uma geração pode ter, e menosprezá-lo e descartá-lo como irrelevante são os detritos de mentes pouco limpas, eu acho”.

Continua depois da publicidade