Siga-nos!

mundo

Museu do holocausto na Flórida é criticado por exposição de George Floyd

Entidade é acusada de banalizar o genocídio contra os Judeus.

em

Arte sobre George Floyd (Foto: Reprodução/YouTube)
Arte sobre George Floyd (Foto: Reprodução/YouTube)

O Holocaust Memorial Resource & Education Center, em Maitland, na Flórida, abriu uma exposição sobre o assassinato de George Floyd, um homem que foi morto por um policial nos EUA e gerou protestos e tumultos por todo país.

Lisa Bachman, diretora assistente do Museu do Holocausto disse que o objetivo da exposição foi “para que as pessoas possam vir e olhar esses indivíduos nos olhos”. “Você não vê apenas esta exposição. Você sente isso”, disse.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“As expressões e pensamentos de cada pessoa fotografada contam uma história que tem uma mensagem muito universal. É aquele que pode nos curar e nos unir. Isso nos mostra que não estamos sozinhos em nosso pensamento”, afirmou Bachman.

Segundo o Faith Wire, o tema da exposição foi “Eliminando Preconceitos: Faces da Mudança”, a notícia gerou polêmicas de algumas pessoas que imediatamente acusaram o museu de enviar uma mensagem que “banaliza e distorce o Holocausto”.

O fundador da Rebel News, Ezra Levant, disse que a exposição “sugere grotescamente que a polícia americana é nazista”. O político e ex-jornalista britânico Martin Daubney, também criticou a exposição e disse que é “inacreditável”.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“O Museu do Holocausto em Maitland, Flórida, adicionou uma seção George Floyd. Alinhar a trágica morte de Floyd com o massacre de 6 milhões de judeus é extremamente insensível. Mas também é político: posiciona a polícia como nazista. Decisão terrível”, tuitou Martin Daubney.

Dan O’Donnell apresentador de rádio, também criticou a exposição no Twitter, dizendo que “o Museu do Holocausto adicionou George Floyd em uma exibição porque nós vivemos em um mundo de idiotas onde as palavras não tem mais significado”.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A colunista israelense-americana Caroline Glick, também tuitou a respeito e disse: “O museu do Holocausto da Flórida no JCC em Orlando deu um grande passo para transformar a aniquilação dos judeus europeus em uma farsa. Isso é um absurdo, um insulto ao povo judeu ao longo da história. E temo que seja apenas uma amostra da loucura que está por vir”.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending