Siga-nos!

Mundo Cristão

Muçulmano é enviado pela família para matar primo cristão e se converte

Caso aconteceu no Egito e foi compartilhado pela Portas Abertas

Publicado

em

Mostafa
Mostafa. (Foto: Portas Abertas)


Trocar o islã pelo cristianismo no Egito é motivo para morte, por isso a família de Mostafa o enviou até o Cairo, capital, para encontrar Mohammed, um primo que fora flagrado frequentando uma igreja.

Se a conversão de Mohammed fosse confirmada, Mostafa teria que matá-lo para que sua família não fosse envergonhada diante da sociedade muçulmana da qual fazem parte.

Mostafa encontrou seu primo exatamente na igreja e ficou esperando que o culto acabasse para que pudesse tomar as devidas providências. Mas a oração, o louvor e a mensagem mexeram com seu coração e ele não conseguiu se conter, chorou e se emocionou.

“Eu vim para te espiar e ver se você realmente tinha se tornado um cristão. Deveria informar a família o que eu vi, mas não posso, porque acho que talvez você tenha feito a escolha certa. Você pode me falar mais? Por que deixou o islamismo pelo cristianismo?”, revelou Mostafa ao seu primo Mohammed.

Naquela noite Mohammed tirou as dúvidas do primo sobre sua nova religião. Mostafa então sonhou com Jesus na cruz e recebeu uma mensagem: “Eu fiz tudo isso porque te amo e eu quero que você seja livre dos seus pecados”.

Ao acordar, Mostafa pediu ao primo que orasse por ele, pois ele queria aceitar Jesus como Salvador. Durante a oração, Mostafa chorava e gritava ao Senhor: “Eu planejei matar meu primo, seu seguidor, mas agora eu mesmo estou preparado para dar minha vida por ti”.

Os dois primos vivem seu cristianismo em segredo da família, pois temem serem mortos por outros integrantes.



Publicidade
Publicidade