Siga-nos!

Mundo Cristão

Muçulmano busca religião na internet e encontra Cristo

“Jesus é meu Salvador, meu Deus”, diz Mohammed.

em

Muçulmano. (Foto: Reprodução)

Ao procurar sobre religião na internet, Mohammed (nome fictício), um homem saudita, conheceu Jesus e abandonou o islã, religião que ele seguia desde que nasceu, mas que sempre lhe trouxe muitas dúvidas.

“Por muitos anos tive dúvidas ao ler o Alcorão”, revelou ele que teve o nome trocado para não ser identificado e sofrer represálias.

O testemunho de conversão de Mohammed foi divulgado pelo Portas Abertas, organização que ajuda igrejas em países onde o Evangelho é perseguido.

Ao descobrir a verdade, ele colocou sua fé à prova, como deixar de orar durante cinco vezes ao dia. Pela tradição muçulmana, não fazer rigorosamente as cinco orações diárias faz com que algo muito ruim aconteça.

“Então, decidi parar de orar por apenas um dia e ver o que aconteceu”, diz Mohammed. “Nada de ruim aconteceu. Pelo contrário, tive um dia de negócios incrivelmente bem sucedido”, disse.

Nessas pesquisas sobre religiões ele descobriu a Bíblia e ali ele aprendeu sobre o amor de Deus.

Mas na Arábia Saudita, onde Mohammed mora, as igrejas são proibidas, principalmente para pessoas como ele que nasceram muçulmanas e, por questões locais, não poderiam mudar de religião correndo o risco de serem punidos com a morte.

Foi então que ele voltou para a internet e encontrou um site cristão voltado para o mundo árabe. Sem medo, ele enviou uma mensagem pedindo ajuda: “Eu sei que Jesus Cristo é o Filho de Deus”, ele digitou. “Posso te visitar? Por favor, leve-me a uma igreja e me dê uma Bíblia.

A mensagem dele chegou a uma equipe de social media da organização cristã que atende no Oriente Médio e ele foi respondido, recebendo o convite para visitar o país onde eles tinham uma igreja e poderiam lhe oferecer uma Bíblia.

Foi assim que Mohammed pisou em uma igreja pela primeira vez e pode assistir um culto, conhecendo outros cristãos e conseguindo um exemplar da Palavra de Deus. “Senti meu coração cheio de alegria”, lembra ele.

A vida dele mudou a partir daquele dia, ele se juntou ao grupo de estudos bíblicos, conversou com pastores e tirou suas dúvidas.

Depois de alguns dias ele foi questionado pelos líderes da igreja: “Mohammed, quem é Jesus para você?”. E ele respondeu: “Jesus é meu Salvador, meu Deus”.

Ele então confessou a Jesus e dias depois foi batizado, só então retornou para a Arábia Saudita, levando consigo a Bíblia que ganhou de presente. Agora ele é um dos vários cristãos secretos que moram naquele país.

Publicidade