Siga-nos!

Política

Moro irá voluntariamente ao Senado para prestar esclarecimentos

A audiência será marcada para 19 ou 26 de junho na CCJ.

em

Sérgio Moro. (Foto: José Cruz/Agência Brasil)

O Ministro da Justiça, Sergio Moro, quer ir voluntariamente ao Senado para prestar esclarecimentos à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) sobre os vazamentos criminosos envolvendo o seu nome e que geraram “notícias amplamente veiculadas na imprensa relacionadas à Operação Lava Jato”.

A informação foi dada pelo presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM-AP), através do Twitter. Na publicação no microblog, o senador afirmou que o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), conversou com Moro sobre esta possibilidade. Bezerra também aproveitou para manifestar seu apoio ao ministro da Justiça.

A audiência será marcada para 19 ou 26 de junho e o ministro deverá falar sobre a invasão hacker dos aparelhos celulares de membros da força-tarefa em Curitiba e o conteúdo exposto pela imprensa sobre suas decisões no caso do ex-presidente Lula.

Segundo a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP), líder do governo no Congresso, o ministro da Justiça também negocia um depoimento à CCJ da Câmara.

Publicidade