Siga-nos!

Sociedade

Menina de 12 anos atira para se defender e garimpeiro é tratado como vítima

Parte da imprensa apresentou menina como criminosa após atirar contra homem dentro do próprio sítio.

em

Espingarda. Foto ilustrativa. (Foto: Pinterest)

Uma menina de 12 anos disparou duas vezes contra um homem, de 27 anos, que invadiu o sítio onde ela mora com a família, na zona rural de Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá, capital do Mato Grosso.

O acaso aconteceu no domingo (29) e ganhou destaque devido a forma como a imprensa abordou a situação, colocando o homem como vítima.

De acordo com a Polícia Militar, o homem teria tentado entrar na casa da adolescente, mas acabou sendo atingido com um tiro de espingarda no braço e outro no abdômen.

Antes da tentativa de invasão, o homem foi advertido pela adolescente para que não entrasse no local, ainda quando ele estava no portão da propriedade, mas ele entrou.

Ele disse à polícia que trabalha em um garimpo nos fundos do sítio, onde a menina mora, e que conhece o pai da adolescente e teria ido ao local para tomar banho.

Como forçou sua entrada no local, mesmo tendo sido advertido, a menina disparou duas vezes contra ele, que acabou fugindo para a cidade e foi encaminhado ao Hospital Regional.

Uma equipe da polícia foi até o sítio, mas a adolescente não estava mais no local, ainda assim a polícia realizou buscas para tentar encontrá-la.

Publicidade