Siga-nos!

Entretenimento

MC Bola se declara evangélico e não canta letras sensuais

O cantor prefere fazer uma música que todas as pessoas possam ouvir sem precisar abaixar o volume com vergonha da letra

Avatar

Publicado

em

Publicidade


O funkeiro MC Bola explicou que suas músicas não falam sobre sexualidade e nem incentivam o consumo de drogas ou bebidas alcoólicas porque ele é evangélico e está cada vez mais envolvido com a religião.

Ao falar sobre as letras de suas músicas, o cantor diz que pensa em alcançar todos os públicos, incluindo crianças, o que faz optar por letras sem conotação sexual.

Publicidade

Leia mais...

“Eu quero fazer uma música que desde uma criança de dois anos até uma pessoa mais velha possa ouvir, possa cantar. Que em um almoço na sua casa você possa ouvir uma música sem ter que abaixar quando começa um funk”, disse ele ao G1.

MC Bola não tem vergonha de falar sobre sua religião, mas também não critica outros que até são evangélicos e que não deixam de usar o tema em suas canções, como faz o MC Naldo.

Publicidade

“Não tenho nada contra quem faça, cada um tem seu estilo. Mas eu não curto não. Prefiro fazer o meu mesmo. O Naldo fala de sexualidade, mas fala de uma forma sutil, fala da mulher de uma forma gostosa na letra e na melodia”, disse Bola.

O MC Naldo também se declara evangélico e diz que não pretende largar o funk. Ao falar sobre a sensualidade de suas canções o carioca, ao contrário do funkeiro paulista, diz que não vê problemas e que suas músicas ajudam a salvar os casamentos.

Apesar dessa grande diferença entre suas canções e a de outros cantores desse segmento, Bola tem feito muito sucesso desde que lançou, isso em 2012, a música “Ela é top”, o maior sucesso de sua carreira.




Gosta do nosso conteúdo? Considere ajudar nosso ministério! Saiba mais em apoia.se/gospelprime


17 Comentários

Publicidade





    Publicidade
    Publicidade

    Trending