Siga-nos!

Internacional

Maduro diz que 500 soldados cubanos chegaram à Venezuela

A declaração foi dada nesta quinta (9) durante uma cerimônia de formatura de médicos comunitários em Caracas

Avatar

em

Nicolás Maduro em convocação de militares. (Foto: Reprodução)
Publicidade

O ditador Nicolás Maduro, em um ato falho, acabou declarando que 500 soldados cubanos chegaram à Venezuela, corrigindo a informação posteriormente chamando-os de “soldados da saúde”.

“Recentemente tivemos que trazer um grupo de 500 soldados cubanos”, disse ele que logo viu o erro cometido. “Desculpa, é que me escapuliu. Quinhentos soldados da saúde”, completou dando risada.

Leia mais...

Continua depois da Publicidade

Maduro fez questão de frisar que os médicos que chegaram estavam uniformizados com “jalecos brancos” e tentou minimizar a informação de que são soldados militares.

O ato falho do ditador endossa as afirmações feitas pelos Estados Unidos, Brasil e Colômbia de que há militares cubanos infiltrados na Venezuela com o objetivo de garantir a permanência de Maduro no poder.

O vídeo com a fala do ditador tem viralizado nas redes sociais.

Publicidade