Siga-nos!

mundo

Líderes evangélicos defendem processo diplomático para paz na Etiópia

Conflitos na Etiópia resultam em mortes e diversas pessoas desabrigadas.

em

Milícias armadas da Etiópia
Milícias armadas da Etiópia (Foto: Reprodução/AP)

Líderes das Dioceses norte-americanas da Igreja Ortodoxa Etíope Tewahedo, pediram ao governo Biden e ao Congresso esta semana para intensificar os esforços para acabar com o conflito em Tigray, à medida que as tensões aumentam na guerra civil na Etiópia que deixou milhares de mortos e cerca de 2 milhões de pessoas deslocadas.

Ao participarem de reuniões esta semana com o Departamento de Estado dos EUA, o Congresso e a Casa Branca, dez arcebispos pediram um processo diplomático justo que responsabilize a Frente de Libertação Popular de Tigray pelas atrocidades que cometeram.

“As atrocidades que foram feitas por esta organização terrorista são incontáveis. Milhões foram desestabilizados de suas propriedades e o tipo de dano que eles fazem às pessoas toma diferentes formas”,  disse o arcebispo Abune Fanuel, de Washington D.C. e presidente do Conselho Religioso da Etiópia.

O atual conflito na Etiópia eclodiu em novembro passado, quando o primeiro-ministro Abiy Ahmed ordenou uma ofensiva militar contra a Frente de Libertação Popular Tigray, um grupo rebelde de esquerda que liderou a Etiópia de 1991 até Abiy se tornar primeiro-ministro em 2018, pregando uma mensagem de esperança e unidade.

Desde então, o conflito se intensificou e os combatentes da milícia da região de Amhara ao sul e as tropas da Eritreia do norte se juntaram aos militares etíopes em oposição aos rebeldes de Tigrayan que também capturaram Mekelle, a capital regional de Tigray.

Em maio, o presidente Joe Biden expressou preocupação com o aumento da violência e observou que seu governo estava trabalhando com o Governo da Etiópia, União Africana, Nações Unidas e outros parceiros internacionais para chegar a uma solução diplomática para a crise.

Testemunhas contaram sobre como as forças de Tigray atacaram comunidades e locais religiosos com artilharia, e que civis foram mortos enquanto escolas e centros de saúde foram saqueados, levando milhares de pessoas a fugir de suas casas nos últimos dois meses.

“Como  negociar com uma organização terrorista quando eles não estão dispostos a um cessar-fogo? Quando eles não estão dispostos a negociar com o povo do governo etíope? Se pudesse ser equilibrado em termos de responsabilizar ambas as partes, isso poderia funcionar”, acrescentou Fanuel segundo The Christian Post.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending