Siga-nos!

israel

Judeus temem por novo holocausto na América, enquanto ataques aumentam

Estudo mostra que a maioria dos judeus americanos já sofreram preconceito étnico.

em

Bandeira de Israel
Bandeira de Israel (Foto: Reprodução/AP)

Os conflitos entre Israel e a Palestina no mês passado desencadearam uma série de ataques aos judeus nos Estados Unidos.

Segundo os relatórios de antissemitismo da ADL (Anti-Defamation League), os atos de assédio, vandalismo e violência contra a população judaica aumentaram 75% depois que o combate começou.

Duas semanas antes do conflito os incidentes violentos marcaram 127, enquanto duas semanas depois que o Hamas atacou Israel, os incidentes passaram para 222.

Embora, sempre houve desavença entre árabes e israelenses, os conflitos anteriores não geraram um aumento no antissemitismo.

Aumento do cyber-bullying

Foi possível evidenciar tal violência com as milhares de vezes que a frase “Hitler estava certo” foram postadas no Twitter – 17 mil vezes de acordo com a Liga Anti-Difamação – em apenas uma semana no mês de maio.

Além disso, a Hashtag anto-semita #Covid1948 foi compartilhada no Twitter 175 vezes por minuto por mais de quatro horas no dia 23 de maio em vários países.

Uma expressão que compara o Estado de Israel fundado em 1948 como um vírus. A hashtag também vinha acompanhada de frases de apoio à Palestina.

Evidência das hashtags contra os judeus no Twitter. Fonte (Instagram)

Ataques antissemitas no mundo real

Infelizmente, as conversas perturbadoras que acontecem online podem ser preocupantes no mundo real.

De acordo com o Instituto de Pesquisa Contágio de Rede (NCRI), as hashtags e slogans extremistas são precursores da violência na realidade.

Para o professor Robert Rozzett, historiador sênior do Instituo de Pesquisa do Holocausto, essa violência recente são sementes de ódio que estão brotando em “solo fértil”.

“Visar os judeus nos Estados Unidos por crimes percebidos perpetrados por Israel é a manifestação moderna do velho tropo antissemita de que os judeus têm uma lealdade dupla”, disse o professor Rozett.

Conforme uma pesquisa recente da ADL, o antissemitismo é muito mais prevalente nos EUA do que as pessoas pensam, cerca de 63% dos judeus americanos já sofreram preconceito antijudaico, reportou o Israel 365 News.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending