Siga-nos!

brasil

Jornalista da Folha diz que é preciso parar de falar o nome de Jesus

Mariliz Pereira Jorge se mostrou incomodada com o nome de Jesus.

em

Mariliz Pereira Jorge
Mariliz Pereira Jorge (Foto: Reprodução/Twitter)

A jornalista Mariliz Pereira Jorge, colunista da Folha de São Paulo, esbravejou no Twitter contra as citações ao nome de Jesus, usando como argumento a laicidade do Estado.

“O Estado é laico. Parem de falar em Jesus”, escreveu ela com um palavrão no final.

A jornalista claramente se incomoda com a liberdade religiosa, já que tenta distorcer o termo “Estado laico” para defender que o nome de Jesus não seja mais citado.

Essa não é a primeira vez que um jornalista de veículo de esquerda se incomoda com posições religiosas. A jornalista Miriam Leitão, da Rede Globo, protagonizou um claro desconforto com a oração feita pelo presidente Jair Bolsonaro quando venceu às eleições de 2018.

Na ocasião, ela também falou em laicidade do Estado e usou a palavra “preocupação” para descrever seu incômodo com o fato de Bolsonaro ter sido abençoado na época.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending