Siga-nos!

Sociedade

Jean Wyllys insinua que homofobia nasceu nas religiões que têm Abraão como patriarca

Ex-deputado atacou judaísmo, cristianismo e islamismo pelos preconceitos vividos por homossexuais

Avatar

Publicado

em

Jean Wyllys
Publicidade


O ex-deputado federal Jean Wyllys (PSOL) escreveu um artigo para o site UOL falando sobre o filme “Dor e Glória”, de diretor Pedro Almodóvar, e fazendo um paralelo com a sua história de vida e de tantos outros homossexuais que sofreram discriminação.

O filme conta a história do diretor espanhol assumidamente homossexual que conta os preconceitos sofridos ao longo da vida e, mesmo assim, se tornou um dos maiores cineastas da atualidade.

Publicidade

Leia mais...

Wyllys disse que se emocionou com a história do diretor espanhol e então atacou as três maiores religiões do mundo dizendo que são elas a resposta para o surgimento da homofobia.

“A única resposta possível para a existência dessa constante — dessa repetição — no tempo e no espaço é a homofobia. Esta é um fundamento de todas as culturas nascidas das — ou influenciadas pelas — religiões abraâmicas (que remontam ao mesmo patriarca Abraão): o judaísmo, o cristianismo e o islamismo”, escreveu o ex-deputado.

Publicidade

“Não é de se estranhar, portanto, que sua reprodução em diferentes línguas e instituições como a família, a igreja e a escola construam histórias e constituam sujeitos tão parecidos; que produzam males tão semelhantes e que despertem formas parecidas de resistência a ela”, completou.

Além de colocar os assassinatos cometidos contra homossexuais na conta dessas três religiões,  o ex-deputado afirma que os gays que não se assumem publicamente “correm o risco de se metamorfosearem em pessoas horríveis que reproduzem o mal de que são vítimas”.




Gosta do nosso conteúdo? Considere ajudar nosso ministério! Saiba mais em apoia.se/gospelprime


Comente!
Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Trending