Siga-nos!

Internacional

Igreja católica sofre perda recorde de fiéis na Alemanha

A igreja não consegue compreender o que afastou 280 mil membros de suas congregações

em

A Conferência Episcopal da Alemanha divulgou recentemente que só em 2014 a igreja católica perdeu mais de 280 mil fiéis. O número é um recorde bastante negativo para a igreja que tem perdido membros todos os anos.

Ainda de acordo com a instituição, o número de 2014 tem 39 mil dissidentes a mais do que o ano de 2013 e o número é ainda maior se comprar à perda de 2010 quando escândalos de pedofilia afastaram 181.193 católicos das igrejas alemãs.

Hoje o número de alemães que se declaram católicos é de 24 milhões, o que representa 29,5% da população do país. Os números fazem com que o cardeal Reinhard Marx, presidente da Conferência Episcopal Alemã, lamente profundamente pela diminuição de seguidores.

A queda de fiéis é um fenômeno que as autoridades católicas não conseguem explicar, pois ao contrário do que aconteceu em 2010, o ano passado não apresentou nenhum fato marcante que pudesse afugentar os membros da Igreja Católica.

Na Alemanha todos os contribuintes deve se declarar católicos, protestantes ou sem religião e por isso é possível acompanhar a quantidade de pessoas que deixam de se afirmar como católicos. Com informações O Povo

Publicidade