Siga-nos!

Sociedade

Fernanda Montenegro defende artistas e Lei Rouanet: “Não somos corruptos”

Desabafo da artista no programa do Faustão gerou intenso debate nas redes sociais

Publicado

em

Fernanda Montenegro
Publicidade

A atriz Fernanda Montenegro fez um breve discurso ao receber o troféu Melhores do Ano do Domingão do Faustão, neste domingo (9), mas que teve grande repercussão. Suas breves palavras foram um dos assuntos mais comentados nas redes sociais desde então.

Ela quis fazer um desabafo sobre as constantes acusações aos artistas ricos e famosos que se beneficiam da Lei Rouanet, que faz repasses milionários através de incentivos fiscais a produções culturais.

“Nós somos de uma profissão digna, nós somos parte de uma cultura teatral milenar. Não é possível fazerem de nós, gente de palco, atores de televisão e de cinema, responsáveis pela derrocada econômica deste país. Não somos corruptos, não somos responsáveis pela crise de corrupção que o Brasil está passando”, reclamou Montenegro.

Lamentou ainda que “Não somos [os artistas] responsáveis pela corrupção desse país através da Lei Rouanet. Eu sei que há uma terra de ninguém, que é a internet, tudo bem. Então temos que de uma maneira palpável, temos que nos posicionar. Não somos corruptos, não somos isso que, de uma forma agressiva, nos jogam brutalmente. Não somos ladrões diante da Lei Rouanet. Procurem os verdadeiros buracos corruptos desse país.”

Ao dizer que a internet era “terra de ninguém”, ela acabou gerando diferentes reações, a maioria negativa, justamente nas redes sociais. Uma grande quantidade de usuários mostrou-se indignado por ela tentar isentar os artistas.

Publicidade

Um dos críticos mais incisivos foi Roger Moreira, músico do Ultraje a Rigor, que lembrou da relação da maioria dos famosos beneficiados com o PT: “São corruptos, sim, Fernanda. Passou recibo. E podem não ser responsáveis (porque nós os impedimos de eleger Haddad) mas são coniventes.”

Trending