Siga-nos!

Política

Evangélicos se articulam para derrubar decreto de armas de Bolsonaro

Parlamentares evangélicos são contra o decreto que amplia o direito ao porte de armas

Avatar

Publicado

em

Sóstenes Cavalcante. (Foto: Divulgação / DEM)
Publicidade


O decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro que flexibiliza o porte de armas não ganhou apoio da Bancada Evangélica, tanto que há um grupo de parlamentares que se articula para derrubar o decreto na Câmara.

“Estou conversando com vários deputados, e já temos vários que vão apoiar sim o decreto legislativo, desde que não seja apresentado por partidos de esquerda”, confessou o deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) em entrevista ao O
Globo.

Publicidade

Leia mais...

O parlamentar evangélico sabe que o PSOL, Rede e PT já apresentaram projetos pedindo a revogação do decreto de Bolsonaro, mas os evangélicos não pretendem assiná-los.

“Não apoiamos nada do PT. Se for do PT não terá nosso apoio”, garante o parlamentar.

Publicidade

O decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e publicado na semana passada amplia consideravelmente o porte de armas para um conjunto de 20 profissões, além de atender também moradores de propriedades rurais, proprietários e dirigentes de clubes de tiro.




Gosta do nosso conteúdo? Considere ajudar nosso ministério! Saiba mais em apoia.se/gospelprime


Comente!
Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Trending