Siga-nos!

Igreja

Evangélicos oram em avenida de Marília e pedem volta do comércio

“É tempo de oração pela nossa cidade e pelo nosso país para acabar com essa pandemia”, afirmou líder.

Neto Gregório

em

Evangélicos oram em Marília (Divulgação)

A Primeira Igreja Batista (PIB) de Marília (SP) fez um ato de oração na principal avenida da cidade, Sampaio Vidal, contra a pandemia de coronavírus e pedindo a volta do comércio da cidade.

O movimento seguiu todas as regras sanitárias e teve autorização da prefeitura e da Polícia Militar. O pastor da igreja, Domingos Jardim, explicou que a igreja procurou “seguir todas as recomendações de segurança, como o uso de máscaras e mantendo uma distância mínima de três metros entre os participantes”.

Os fiéis se posicionaram em ambos os lados da avenida e clamaram aos céus pela intervenção divina. Houve também um carro de som trafegando no local com louvores. O momento durou 40 minutos, das 18h às 18h40.

Domingos defendeu a abertura do comércio da cidade, mesmo que as igrejas tenham que ficar fechadas. Ele lembrou que “os hospitais de Marília estão com ocupação mínima” e que há poucos casos confirmados na cidade.

Ele lamentou a guerra política entre e o presidente Jair Bolsonaro e o governador João Dória e afirmou que “a quarentena deve ser mantida na capital e nos grandes centros onde ocorre a epidemia”.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Trending