Siga-nos!

Política

Evangélica é demitida da Secretaria Especial da Cultura a pedido de Regina Duarte

Perfil conservador de “Reverenda Jane” teria desagradado servidores.

em

Reverenda Jane e Regina Duarte (Foto: Reprodução)

A pastora Janicia Silva, conhecida como “Reverenda Jane”, que atuava como secretária de Diversidade Cultural, foi demitida, a pedido da atriz Regina Duarte, pelo ministro do Turismo, Marcelo Alvaro Antonio.

Apesar de os motivos não serem claros, Regina estaria insatisfeita com a atuação de Jane, que não estaria atendendo decisões dela, que ainda não assumiu como secretária por questões contratuais com a Rede Globo.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Segundo informações de O Globo, a pastora evangélica estaria sendo considerada “intolerante” pelos servidores, como também por diretores técnicos que foram demitidos por ela.

Escolhida pela própria Regina como secretária-adjunta, enquanto a atriz resolve questões para firmar sua entrada no comando da secretaria, Jane teria se excedido.

Os interesses de Jane Silva em defender a família e os valores teria desagradado alguns servidores, que chegaram a acusá-la de tomar decisões na pasta sem consultar Regina, que será a titular.

Ela também promoveu algumas mudanças, colocando diretores alinhados com o perfil conservador do governo Bolsonaro, o que provocou reações.

Continua depois da publicidade