Siga-nos!

Política

Em primeiro discurso da posse, Bolsonaro diz que combaterá “ideologia de gênero”

Assista ao vídeo com o pronunciamento completo

Avatar

Publicado

em

Publicidade


No primeiro discurso como novo presidente do Brasil, Jair Bolsonaro demonstrou que não mudará de estilo. Além de agradecer a Deus repetidas vezes, repetiu algumas ideias que pautaram sua campanha eleitoral.

Destacando que defenderá a posse de armamentos e combaterá o viés ideológico de esquerda que dominaram o país nas últimas décadas, reiterou: “O cidadão de bem merece dispor de meios para se defender”. Em seguida, pontuou que se oporá à “ideologia de gênero”.

Publicidade

Leia mais...

“Vamos unir o povo, valorizar a família, respeitar as religiões e nossa tradição judaico-cristã, combater a ideologia de gênero, conservando nossos valores. O Brasil voltará a ser um país livre de amarras ideológicas”, assegurou.

Em um aceno aos deputados e senadores que participaram do ato, assegurou: “Contamos com o apoio do Congresso Nacional para os policiais fazerem seu trabalho… Vamos valorizar o parlamento resgatando a legitimidade do Congresso Nacional”.

Publicidade

Com relação à equipe de governo, ele observou que ela foi montada de forma técnica, “sem o tradicional viés político que tornou o estado ineficiente e corrupto.”

Enfatizou ainda a importância de mudanças na área econômica, criticando as decisões dos seus antecessores, em especial do Partido dos Trabalhadores. “Precisamos criar um ciclo vistoso para a economia e, assim, abrir nosso mercado para o comércio internacional.”  Outro projeto é faz com que o governo não gaste mais do que arrecada. “Vamos realizar reformas estruturadas importantes para a sustentabilidade das contas públicas”.

Bolsonaro disse também: “Realizaremos reformas estruturantes, que serão essenciais para a saúde financeira e sustentabilidade das contas públicas, transformando o cenário econômico e abrindo novas oportunidades. Precisamos criar um ciclo virtuoso para a economia que traga a confiança necessária para permitir abrir nossos mercados para o comércio internacional, estimulando a competição, a produtividade e a eficácia, sem o viés ideológico”.

Publicidade

O novo presidente da República foi bastante aplaudido pelo público que acompanha a cerimônia de posse. No final, destacou: “Com a benção de Deus, o apoio da minha família e a força do povo brasileiro, trabalharei incansavelmente para que o Brasil se encontre com o seu destino e se torne a grande nação que todos queremos”. Encerrou com o lema “Brasil acima de tudo. Deus acima de todos”, popularizado na campanha eleitoral.




Gosta do nosso conteúdo? Considere ajudar nosso ministério! Saiba mais em apoia.se/gospelprime


Comente!
Publicidade
    Publicidade
    Publicidade

    Trending