Siga-nos!

Sociedade

Em “performance” demoníaca, drag queen simula aborto em bar

Blair Back deu risada dos críticos

em

Blair Back. (Foto: Reprodução / Instagram)

A drag queen Blair Back fez uma performance em um bar de Nova York (EUA) simulando um aborto auto provocado que chocou a internet fazendo com que o vídeo repercutisse em várias partes do mundo.

Enquanto a música da cantora Ke$ha, intitulada “Cannibal”, tocava no fundo, a drag queen sentava no balcão do bar com uma barriga de grávida falsa e, usando uma faca, corta a barriga e arranca um boneco de dentro, lambendo o líquido vermelho que presentava sangue.

Foi a própria Blair Back que compartilhou o vídeo em seu Instagram e escreveu na legenda que tudo era falso, a barriga, o boneco, o sangue e os “órgãos”.

Ela também explicou que se inspirou em um filme de terror que mostrava uma mulher engravidando de um alienígena e sendo submetida a um aborto para que o bebê não a matasse por dentro.

Os internautas, porém, não curtiram a performance e criticaram as cenas protagonizadas por ela chamando de “doentio” e “repugnante” a apresentação.

A drag queen ironizou no Facebook os comentários e deu risada dos cristãos que se levantaram contra o aborto que ela simulou.

Publicidade