Siga-nos!

Política

Eduardo Paes recebe apoio de lideranças evangélicas no Rio de Janeiro

O candidato à reeleição tem apoio do pastor Silas Malafaia, da Adhonep e da AD Madureira

Avatar

em

O atual prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB), tem recebido o apoio de lideranças evangélicas para sua candidatura à reeleição. Até o momento o pastor Silas Malafaia e a Associação de Homens de Negócios do Evangelho Pleno (Adhonep) já se comprometeram em ajudar Paes, segundo a Folha de São Paulo.

Ao se aproximar dos evangélicos o candidato peemedebista vai tentar enfraquecer os ataques que vai receber de seus adversários políticos: Rodrigo Maia (DEM) e Clarissa Garotinho (PR). Os candidatos pretendem usar o apoio dado pelo prefeito ao turismo gay na capital fluminense ao financiar publicidades sobre a Parada Gay no Brasil e no exterior.

Rodrigo e Clarissa são filhos de ex-prefeitos da Cidade Maravilhosa, César Maia e Antony Garotinho, respectivamente. Garotinho é evangélico e recebe apoio de outras lideranças, mas para se precaver de possíveis ataques políticos, Eduardo Paes conseguiu essas alianças importantes com pastores influentes.

O pastor Abner Ferreira, da Assembleia de Deus Ministério de Madureira, também faz parte dessa lista de líderes que confirmam apoio ao atual prefeito do Rio. Para justificar seus motivos, o filho do bispo Manoel Ferreira cita o patrocínio dado pela Prefeitura para a Marcha para Jesus deste ano que foi no valor de R$2,48 milhões.

A pesquisa Datafolha realizou uma pesquisa de intenções de voto entre os evangélicos e percebeu que, assim como no resultado geral, Eduardo Paes seria reeleito no primeiro turno com 54% dos votos.

Publicidade