Siga-nos!

Mundo Cristão

Desigrejados vivem experiência incompleta com Deus, defende pastor

Por mais difícil que seja, é imprescindível fazer parte de uma igreja para conhecer a Cristo

Avatar

em

Douglas Gonçalves

Há anos que o Brasil tem visto milhares de cristãos transitando por diversas denominações em busca de um cristianismo diferente. O que se chama “êxodo denominacional” abriu também caminho para o fenômeno dos desigrejados.

Para alguns, a situação da igreja é tão complicada que é preferível ser “cristão dentro de casa”. Isso é possível? Para o pastor de jovens, Douglas Gonçalves, do ministério Jesus Copy, a resposta é “não”.

Leia mais...

Ele concorda ser possível buscar a Deus dentro de casa. “Esse é o seu sacerdócio com Jesus”. Por outro lado, acredita que se limitar a isso é ter uma experiência incompleta.

Vida de cruz

Douglas utiliza a figura da cruz para ilustrar como deve ser a vida cristã. “A cruz tem uma parte vertical e a outra horizontal. A vertical diz respeito ao nosso relacionamento pessoal com Deus. Mas nós somos chamados também para a vida horizontal, que é o relacionamento com os nossos irmãos”, explica.

Para o pastor “Cristo nas Escrituras é um ser coletivo – Jesus Cristo é cabeça e a igreja é seu Corpo”. Sendo assim, para conhecê-lo em sua plenitude, é necessário ter relacionamentos. Nós precisamos uns dos outros, pois quando estamos juntos como igreja, a igreja revela quem é Cristo.

Precisamos da diferença

Muitos abandonam a igreja por causa das diferenças de pensamentos. “Gente, tem que ser diferente, porque nós somos um corpo, e cada um tá numa parte do corpo”, defende.

Igreja é o ajuntamento de pessoas com dons diferentes, habilidades diferentes e, muitas vezes, até opiniões diferentes. “Muitos deixam a igreja por decepção, traição, calúnia, fofoca. Deixa agora eu te provocar: os traidores são os que mais formam Cristo em nós”, revela.

Não existe uma igreja perfeita porque ela é feita de pessoas imperfeitas, mas são nessas imperfeições que Deus trabalha e forma o filho Dele em nós. “Procure um lugar onde a Bíblia seja pregada, um lugar Cristocêntrico, onde existem pessoas para amar. Isso é igreja”, conclui.

Assista!

Cris Beloni é jornalista, teóloga e pesquisadora apaixonada pela Bíblia. Desenvolveu um trabalho de Jornalismo Investigativo Bíblico e é autora do livro Derrubando Mitos.

Continue lendo