Siga-nos!

arqueologia bíblica

Descoberto local de banho ritual do período do Segundo Templo

Escavação da Autoridade de Antiguidades de Israel revelou instalação de 2 mil anos.

Neto Gregório

em

Anat Harrel mostra mikvé na Galileia (Cortesia)

Um local de banho ritual do período do Segundo Templo foi descoberto por acaso no mês passado, numa região da Galileia. Um grupo está tentando salvar o local do seu atual destino: destruição.

A escavação de resgate feita pela Autoridade de Antiguidades de Israel descobriu o local enquanto ele estava sendo preparado para as obras de construção de um novo cruzamento rodoviário.

Todos os projetos de construção em Israel são obrigados por lei a serem precedidos por uma pesquisa arqueológica. Contudo, considerando a densidade do território do país – tanto em termos de população quanto de restos arqueológicos – quando os pesquisadores encontram algo, na maioria dos casos apenas documentam.

Nesse caso, porém, alguns moradores da localidade esperam poder transferir toda a estrutura do achado para o kibutz e criar um pequeno parque arqueológico ao seu redor. Hannaton, já abriga um banho ritual – único em Israel que está aberto a qualquer pessoa que queira experimentá-lo.

Os arqueólogos puderam datar o mikvé – como é chamado o local religioso – como do período do Segundo Templo graças ao gesso cinza que reveste a piscina e a largura da escada que leva a ela.

Como era muito comum na região, acredita-se que naquela época era cultivado oliveiras e videiras, produzindo o óleo e vinho de alta qualidade utilizado no templo. Por isso, o banho ritual poderia ter sido usado pelos agricultores, que precisavam se lavar constantemente para evitar tornar impuro o produto.

Curiosamente, os dois arqueólogos que descobriram o local são árabes israelenses, um cristão e um muçulmano.

Trending