Siga-nos!

Política

Deputado que quer suceder Crivella diz existir “novas opções” entre evangélicos

Deputado é pastor da Assembleia de Deus Madureira.

em

Otoni de Paula (Foto: Reprodução/Câmara dos Deputados)

O deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ) acredita que o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), não é mais a única opção para os eleitores e sua pré-candidatura ao cargo se torna necessária.

“Mesmo havendo divergências entre a comunidade evangélica e a Igreja Universal, todos abraçaram o Crivella porque, naquele momento, não havia opção. O tempo passou. Hoje, existem novas opções entre os evangélicos. É natural a postulação da minha pré-candidatura ou de qualquer outra”, disse em entrevista ao O Dia.

Evangélico e pastor auxiliar da Assembleia de Deus Madureira, templo histórico e igreja-mãe do Ministério de Madureira, com cerca de 600 mil membros na capital e 1,5 milhão em todo o estado do Rio, o parlamentar vê uma oportunidade de representar bem o segmento.

Otoni de Paula foi eleito deputado federal com 120.498 votos, após ter atuado como vereador, agora ele pretende se candidatar à Prefeitura do Rio de Janeiro.

Para o parlamentar, existe um “vácuo de lideranças políticas” no estado do Rio de Janeiro, e o eleitorado continua insatisfeito com os políticos, por isso ele tem se disposto a se candidatar para o cargo de prefeito.

“Existe um vácuo de lideranças políticas hoje no estado do Rio. O eleitorado continua insatisfeito com o que está aí e com o que representa aquela política antiga. Por isso, ponho-me como soldado da democracia. Se serei candidato ou não, decidirei lá na frente”, disse.

O político afirma que deverá procurar outro partido caso seja candidato, pois acredita que o PSC não lhe dará legenda, mas que ainda assim colocou o seu nome a disposição.

“Pus o meu nome à disposição (para disputar) como qualquer outro político. Se eu for candidato, não terei espaço porque o meu partido tem outros interesses políticos. Se eu for candidato, claro, procurarei outro. Existem conversas com legendas. No tempo certo, direi”, disse.

Publicidade