Siga-nos!

Mundo Cristão

Templo de Salomão custou mais de 680 milhões

A obra será inaugurada no dia 31 de julho diante de autoridades políticas e fiéis

em

A revista Veja São Paulo desta semana publicou imagens exclusivas de dentro do Templo de Salomão. A megaigreja que a Igreja Universal do Reino de Deus está construindo em São Paulo com capacidade para receber 10 mil fiéis por culto.

O templo será inaugurado no dia 31 de julho, mas além da área de culto terá um museu, um prédio com 50 apartamentos e até mesmo um local onde o fundador da igreja, bispo Edir Macedo, e sua família serão enterrados quando vierem a falecer (a igreja nega essa informação).

Os números do Templo de Salomão são impressionantes, são 100.000 metros quadrados de área construída. Segundo a publicação da Editora Abril a IURD desembolsou mais de 685 milhões de reais.

O dinheiro serviu para comprar cerca de 40 imóveis da região, para a construção do templo que tem mármore rosa italiano, oliveiras importadas de Israel e cadeiras trazidas da Espanha para acomodar os fiéis.

A grandiosidade também está no telão de mais de 20 metros de comprimento e nas 10.000 lâmpadas de LED que foram instaladas no teto do salão principal. Outro detalhe exclusivo do Templo de Salomão será a esteira rolante que levará o dízimo dos fiéis do altar diretamente para a sala-cofre.

O estacionamento do megatemplo terá espaço para 1.800 automóveis, 241 motos e 50 ônibus. No começo as visitas ao templo terão que ser agendadas, as igrejas Universal de todo o país farão caravanas para conhecer o espaço.

O agendamento também deve ser feito para quem pretende conhecer o museu construído ao lado da igreja, nesse espaço será contada a história das 12 tribos de Israel, o que deve atrair visitantes de outras religiões como o judaísmo e o catolicismo.

Templo de Salomão - Igreja Universal

As visitas ao museu terão que ser agendadas e o ingresso será pago, segundo a Veja SP será cobrado “um valor simbólico” para poder adentrar ao museu.

Quem visitar o Templo de Salomão não poderá filmar nem fotografar a área interna. Todos serão revistados e terão que guardar celulares, câmeras e qualquer outro tipo de dispositivo que faça registro de áudio ou de imagem.

Assista:
[youtube code=”4Q6GTG7Qiuo”]

Publicidade