Siga-nos!

Internacional

Cristãos na Indonésia revezam a Bíblia por falta de exemplares

Entidade cristã distribuiu exemplares, mas não foram o suficiente.

em

Agus e Yandi. (Foto: MNN)

Entre os cristãos da Indonésia que conseguiram ter acesso a um exemplar da Bíblia está Agus, um estudante da 6ª série que mora em Kalimantan, mais precisamente em uma vila localizada na ilha de Bornéu.

Morando em um país de maioria muçulmana, Agus foi criado por pais animistas e se tornou cristão após ser evangelizado por um professor e por amigos na escola após questionar a origem das coisas.

Sua primeira Bíblia custou sete dólares, uma doação feita pela FMI, entidade cristã coordenada por Bruce Allen.

Naquele país onde há nove muçulmanos para um cristão, é difícil ter acesso ao Livro Sagrado, muitos só podem ter acesso às Escrituras durante os cultos da igreja ou como parte de pequenos grupos de 5 a 10 pessoas em torno de uma única Bíblia.

Durante o verão a FMI entregou uma grande quantidade de Bíblias, incluindo o exemplar de Agus, mas a quantidade não é suficiente para suprir as necessidades dos religiosos que moram na Indonésia.

“Alguns dias depois dessa campanha, voltei para os EUA. Estou recebendo e-mails, estou recebendo telefonemas dizendo: ‘Tudo o que você nos deu, já distribuímos. Já compartilhamos o evangelho com tantas pessoas. Precisamos de mais 1.000 Bíblias imediatamente'”, diz Allen ao MNN Online.

A distribuição de Bíblias é realizada por conta de doações, assim eles conseguem comprar cada exemplar por apenas 7 dólares (aproximadamente R$29). Foi graças às doações que Agus pode ter sua primeira Bíblia e já começou a compartilhar o Evangelho com seus familiares.

Publicidade