Siga-nos!

mundo

China manda vender ou alugar igrejas fechadas por regime comunista

Regime comunista tem se empenhado para fechar igrejas.

Michael Caceres

em

Three-Self Church
Three-Self Church (Foto: Reprodução/Bitter Winter)

Somente nas cidades de Lianyungang e Suqian, na província de Jiangsu, mais de 70 igrejas protestantes foram fechadas pelo regime comunista da China. Autoridades resolveu aproveitar os locais como centros de propaganda, recreação ou fábricas e até mesmo demolir para não correr o risco de se reunirem novamente.

As autoridades ligadas ao Partido Comunista da China (PCCh) explicaram em uma reunião no mês de agosto, com os diretores da Igreja Três Autos em Bailu, uma cidade do condado de Guannan, em Lianyungang, que as igrejas vazias, devem ser alugadas ou vendidas.

“O governo está erradicando as igrejas”, comentou o diretor de uma igreja. Várias igrejas já começaram a ser alugadas ou vendidas. Antes mesmo da reunião em agosto alguns locais foram vendidos.

A igreja de Chenzhuang foi vendida em 26 de julho por 20.000 RMB (cerca de R$ 16.000). Membros declaram que não tiveram a chance de salvar a sua igreja. Outra igreja que estava fechada desde junho do ano passado, foi alugada em 25 de agosto.

Guerra contra igrejas

Uma igreja dos Três Autos que estava fechada no condado de Shuyang, na cidade de Suqian, virou um memorial para heróis revolucionários da China. Um morador disse a Bitter Winter que os trabalhadores foram contratados pelo governo e que dia 5 de junho removeram a cruz do prédio e uma placa que dizia “Deus ama o mundo”.

Na entrada da igreja foi colocada uma placa que dizia: “ Auditório Político e Militar do Distrito de Huaihai”. O oficial da vila explicou que a igreja será usada agora para ensinar aos jovens sobre o espírito revolucionário do país.

No mesmo condado, ao menos três igrejas foram demolidas. Um funcionário da aldeia disse que o governo está acabando com a igreja para que cresça o número de filiados ao PCCh.

Outra igreja foi demolida no condado de Xiayi, na província de Henan. O governo ordenou em 21 de outubro a construção de uma nova clínica no local do templo antigo, que foi fechado ano passado e funcionava como uma fábrica de roupas.

A China assiste de camarote as suas igrejas sendo destruídas, sua liberdade de expressão sendo cassadas e se veem na obrigação de prestar culto ao presidente. A maioria da congregação de crentes se reúnem agora em suas casas, igrejas continuam sendo inspecionadas para não voltarem a ativa.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending