Siga-nos!

mundo

China e Rússia tentam amenizar sanções contra Coreia do Norte na ONU

Coreia do Norte ameaça retaliar contra EUA após receber críticas sobre violação dos direitos humanos.

em

Ditador da Coreia do Norte, Kim Jong Un
Ditador da Coreia do Norte, Kim Jong Un (Foto: Reprodução/YouTube)

China e Rússia estão circulando um projeto de resolução no Conselho de Segurança da ONU que aliviaria as sanções à Coreia do Norte. A medida atualiza uma resolução de 2019 escrita pelos dois países no mesmo efeito, embora nunca tenha sido formalmente apresentada para votação ao Conselho.

De acordo com ICC, a decisão da China e da Rússia de impor este tema novamente destaca a questão contínua de seu apoio ao regime opressivo da Coreia do Norte.

Um relatório de 2014 do Conselho de Direitos Humanos da ONU, o Escritório do Alto Comissariado para os Direitos Humanos (OHCHR) concluiu que as violações dos direitos humanos realizadas pelo governo norte-coreano revelam um Estado que não tem paralelo no mundo contemporâneo.

A situação dos direitos humanos na Coreia do Norte continuou a ser estudada pela OHCHR  desde o relatório de 2014 e, em outro relatório divulgado no início deste ano, foi concluído que o regime continua a violar sistematicamente os direitos humanos básicos, incluindo a religião.

Destacando áreas de particular preocupação, incluindo condições extremamente duras no sistema prisional do país e a tortura de prisioneiros de consciência, o relatório afirma que o governo norte-coreano está envolvido em um ataque sistemático e generalizado contra pessoas consideradas uma ameaça ao sistema político e à liderança do país, incluindo pessoas que praticam a religião.

Como parte desse ataque, as pessoas que exercem sua religião são sistematicamente presas sem o devido processo legal e são submetidas a tratamento severo por exercerem os direitos humanos básicos.

“Estamos com os milhões de norte-coreanos que continuam a ter sua dignidade e direitos humanos violados por um dos estados mais opressivos e totalitários do mundo. O mundo civilizado não tem lugar para tal brutalidade, e a comunidade internacional deve continuar a falar”, disse Ned Price, porta-voz do Departamento de Estado dos EUA.

A Coreia do Norte respondeu dizendo que o governo Biden cometeu um grande erro, ameaçando retaliar contra qualquer ação que os EUA possam tomar contra seus interesses.

Você pode gostar
Será que o público entende quando você prega?
Adquira o curso que é focado em desenvolver e destravar a Oratória de futuros Líderes Cristãos.
SAIBA MAIS! »

Termine o ano memorizando a Bíblia!
Memorize os livros da Bíblia e suas passagens de um jeito super dinâmico. Fortaleça sua fé para comunicar a Palavra de Deus do jeito fácil!
SAIBA MAIS! »

Se capacite em administrar melhor suas finanças!
Veja como você pode ser mais próspero financeiramente à luz da Palavra de Deus.
SAIBA MAIS! »

Trending